Sabino Barroso, Rua (Valqueire)Sabino Alves Barroso Júnior. Político e advogado. Nasceu em Serro Frio (MG) em 24/4/1859. Faleceu em Belo Horizonte (MG) em 16/6/1919. Foi ministro da Fazenda (em 1914 e 1915) no Governo do Presidente da República Vescelau Brás . Era tio de Ary Barroso, famoso compositor da música popular brasileira.
Sábios, Rua (Taquara)Homenagem aos sábios. Loteamento na Boiúna que homenageia as profissões culturais e científicas.
Sadoque, Rua (Cidade de Deus)Personagem bíblico. Filho de Aquitob. Foi aliado dos reis Davi e Salomão.
Sagarana, Rua (Anil)Homenagem ao livro de contos Sagarana do escritor Guimarães Rosa (1908-1971) publicado em 1946. O autor conta no livro passagens da sua infância em Minas Gerais.
Sagitário, Praça (Taquara)Homenagem à constelação zodiacal de Sargitário. Pequeno loteamento na Estrada do Engenho Velho que homenageia a Astronomia.
Saiqui, Praça (Valqueire)Palavra língua tupi-guarani que significa olhos lacrimejantes.
Sal, Trav. (Cidade de Deus)Termo bíblico. Nas cidades vencidas, os hebreus semeavam sal, a fim de evitar que fosse cultivada de novo. Na Bíblia, há outro fato sobre o sal: a mulher de Ló, fugindo de Sodoma e Gomorra em chamas, olhou para atrás e se transformou em estátua de sal.
Salatiel, Rua (Cidade de Deus)Personagem bíblico. Nome de um dos filhos do Rei Jeconias (Jeconias, variante do nome Joaquim, foi rei de Judá).
Salim, Trav. (Cidade de Deus)Localidade bíblica. Nome de uma região onde havia muitas águas, provavelmente no Rio Jordão e onde São João batizava os fiéis.
Salínias, Rua (Rio-Centro)Homenagem à cidade de Salinas (grafia certa), em Minas Gerais.
Salinópolis, Rua (Taquara)Homenagem à cidade de Salinópolis, no Pará.
Salomão, Rua (Cidade de Deus)Personagem bíblico. Filho do Rei Davi e Betsabá. Foi um dos maiores reis dos judeus.
Salvador Allende, Av. (Jacarepaguá-Barra)Salvador Allende Gossens (1908-1973) foi político chileno. Foi eleito presidente da República do Chile em 1970 e deposto em 1973, quando foi morto. Antes o logradouro se chamava Avenida Arenápolis em homenagem a cidade de Arenápolis em Mato Grosso.
 
Samaritana, Rua (Cidade de Deus)Os samaritanos eram considerados hereges pelos judeus. Certa vez, Jesus Cristo aproximou-se de uma samaritana, que tirava água do poço, e pediu um pouco para beber. A mulher ficou admirada, pois os judeus não falavam com os samaritanos. Jesus a converteu.
Samuel Mac-Dowell, Praça (Taquara)Samuel Wallace Mac-Dowell nasceu em Recife em 1843 e faleceu em Paris em 1908. Foi político e jornalista. Era do Partido Conservador na monarquia e defendeu os bispos processados na Questão Religiosa.
Samuel das Neves, Rua (Pechincha)Engenheiro Samuel Augusto das Neves (1863-1937). Nasceu em São Félix (BA) em 13/3/1863. Em 1889, após a proclamação da República, transferiu-se para São Paulo (SP), onde montou escritório de engenharia. A sua empresa foi a responsável pela construção de famosos prédios no Centro de São Paulo e obras da Prefeitura da Cidade de São Paulo no final do século XIX e as primeiras décadas do século XX. Samuel das Neves faleceu em São Paulo em 1937. O logradouro recebeu seu nome em 11/3/1938.
Sanatório Santa Maria, Estrada (Taquara)O logradouro é a via de acesso ao Hospital-Sanatório Santa Maria, na Taquara. O hospital foi inaugurado em 6 de julho de 1943, com a presença do então Presidente da República Getúlio Vargas.
Santa Águeda, Rua (Taquara)Santa Águeda nasceu na Sicília, Itália. Foi vítima das perseguições impostas pelo Império Romano aos cristãos. Foi martirizada e obrigada a andar nua por cima de carvões acessos por Quintiniano, consul de Roma. Faleceu em 5/6/252.
Santa Artelais, Rua (Taquara)Santa Artelais era filha de Lúcio, proconsul do Império Romano. Possuía muita beleza e muitos nobres do império a queriam por esposa, inclusive o Imperador Justiniano. Mas ela preferiu permanecer virgem e dedicar a vida ao Cristianismo.Faleceu em 3/3/570.
Santa Benilda, Rua (Taquara)Santa Benilda foi mártir da cidade de Córdova, na Espanha. Por pregar o Cristianismo, foi decapitada no dia 15 de junho de 853.
Santa Efigênia, Estrada (Taquara)Santa Efigênia é uma santa negra e filha do rei da Etiópia, na África.Na Rua da Alfândega, no Rio, há a igreja de Santa Efigênia que foi erguida por uma confraria de pretos a partir de 1747. Santa Efigênia é festejada no dia 21 de setembro.
Santa Epifânia, Rua (Freguesia)Santa Epifânia foi mártir no período em que os cristãos eram perseguidos pelo Império Romano. Pregou o Cristianismo em Lentini e Siracusa, cidades da Sicília, Itália. A santa é festejada em 12 de maio.
Santa Eudóxia, Praça (Taquara)Santa Eudóxia foi uma das mártires do início do Cristianismo. Viveu no segundo século da Era Cristã. Por pregar a religião foi degolada no dia 1º de março do ano 114, em Heliópolis, antiga cidade do Egito.
Santa Flor, Rua (Freguesia)Santa Flor ou Santa Flora viveu e pregou o Cristianismo na França. Faleceu no dia 5 de outubro de 1347.
Santa Gaudência, Praça (Freguesia)Santa Gaudência nasceu em Roma. Viveu e pregou o Cristianismo no século IX. Foi martirizada. É festejada no dia 29 de agosto.
Santa Genoveva, Rua (Praça Seca)Santa Genoveva nasceu em Nanterre, França, por volta do ano de 422. Foi contemporânea do Rei Clóvis dos Francos. Foi a responsável pela mudança de rumo da invasão de Átila, rei bárbaro dos hunos, que evitou passar por Paris. Ela faleceu no ano de 500.
Santa Geórgia, Rua (Taquara)Santa Geórgia viveu no século VI em Clermont, na França. Faleceu em 15 de fevereiro de 594.
Santa Inês, Estrada (Freguesia)Santa Inês abraçou apaixonadamente o Cristianismo, apesar da pouca idade e as perseguições do imperador romano Diocleciano. Foi martirizada por esse governante. Faleceu no ano de 304 com apenas 13 anos de idade.
Santa Joana Maria Bononi, Rua (Praça Seca)Santa Joana Maria Bononi era da Ordem dos Beneditinos. Nasceu em Vicenza (Itália) em 15/8/1606 e faleceu em 1/3/1670.
Santa Maura, Estrada (Curicica)Santa Maura nasceu em Troyes, na França, onde pregou o Cristianismo. Faleceu no dia 21 de setembro de 830. Foi sepultada ao norte de Troys à margem do Rio Sena. Esse local atualmente chama-se Porto de Santa Maura.
Santa Perpétua, Rua (Freguesia)Santa Perpétua faleceu em 5/3/203. Filha de família nobre, entregou-se ao Cristianismo e foi martirizada no ano de 203, com apenas 22 anos de idade. Casada há pouco tempo, tinha um filho de poucos meses quando morreu. Viveu na cidade de Cartago.
Santa Taís, Rua (Freguesia)Santa Taís nasceu no Egito e viveu no século IV. Era cristã penitente. Segundo a tradição, foi convertida por um cristão anacoreta (religioso que vive na solidão). Santa Taís é festejada no dia 8 de outubro.
Santo Alexandre, Rua (Tanque)Santo Alexandre foi papa de 106 a 115, época em que o Império Romano era governado por Trajano, que perseguiu cruelmente os cristãos. Santo Alexandre foi decapitado no dia 3 de maio de 115 por ordem de Trajano.
Santo Egil, Rua (Freguesia)Santo Egil foi bispo de Fulda, na Alemanha. Foi célebre pela sua devoção a Jesus Cristo e amor pela vida de seus semelhantes. Faleceu em Sturmi, Alemanha, no ano de 779.
Santo Eládio, Rua (Freguesia)Santo Eládio foi arcebispo de Toledo, na Espanha. Foi martirizado e morto em 18 de fevereiro de 632.
Santo Eleutério, Rua (Freguesia)Santo Eleutério nasceu em Nicópolis do Épiro, na Grécia. Foi eleito papa no ano de 175. Propagou o Cristianismo na época em que o Império Romano perseguia os cristãos. Faleceu em 26 de maio de 189.
Santo Ermínio, Rua (Freguesia)Santo Ermínio foi um dos santos mártires da época do início do Cristianismo. Pregou a religião na região de Perugia, na Itália.
Santo Espeu, Rua (Taquara)Santo Espeu ou Espeusipo foi martirizado junto com seus dois irmãos gêmeos (Santo Eleusipo e Santo Meleusipo) em Langres, França, quando Marco Aurélio era imperador romano.
Santo Etelberto, Rua (Taquara)Santo Etelberto foi descendente de Engisto, nobre inglês e fundador da casa real de Kent. Pregou o Cristianismo na Inglaterra. Faleceu no dia 24 de fevereiro de 616.
Santo Eulógio, Rua (Pechincha)Santo Eulógio faleceu em 11/3/859. Nasceu em Cordova, Espanha. Era filho de família rica e cristã. Foi bispo de Cordova durante a ocupação dos mouros. Sofreu perseguição. Foi martirizado por mostrar erros do islamismo e a verdade do Cristianismo.
Santo Euquério, Rua (Freguesia)Santo Euquério foi bispo de Orleans, na França. Viveu no século VIII na época de Carlos Martel, vencedor dos árabes em Pitiers, França.
Santo Himelino, Rua (Freguesia)Santo Himelino viveu no século VIII na época em que a região atual da França e dos Países Baixos era governada por Pepino, o Breve, rei dos francos. Ele pregou o Cristianismo na atual Bélgica. Fez uma peregrinação a Roma. É festejado no dia 10 de março.
Santo Isidoro, Praça (Curicica)Santo Isidoro nasceu em Cartagena, Espanha. Foi bispo de Sevilha durante o período de 36 anos. Seus irmãos Leandro, Fulgêncio e Florentina também são santos. Santo Isidoro faleceu em 4 de abril de 636.
Santo Oswaldo, Rua (Praça Seca)Santo Oswaldo viveu no século VII na Nortúmbria (reino medieval da Inglaterra). Além desse reino, pregou a religião em Wessex, outro reino medieval inglês. Como a maiorias dos santos dos primeiros séculos, foi martirizado. É festejado no dia 5 de agosto.
Santo Quintiliano, Rua (Curicica)Santo Quintiliano é natural de Saragoça, Espanha. Viveu no século III e sofreu com as perseguições do imperador romano Diocleciano. Morreu martirizado.
São Arquinímio, Rua (Freguesia)São Arquinímio é um dos santos mártires da época do início do Cristianismo. Foi morto por se recusar a negar a divindade de Jesus Cristo, como queriam seus algozes. São Arquinímio nasceu em Máscula, antiga cidade da África.
São Balduíno, Rua (Taquara)São Balduíno nasceu na França. Era filho de uma família cristã. Aos onze anos entrou para o Mosteiro de São Paulo de Mont-Blandin e dedicou toda a sua vida ao Cristianismo. Pregou a religião também na Inglaterra. São Balduíno faleceu em 25/9/1205.
São Benfílio, Rua (Freguesia)São Benfílio ou São Bonfílio é um santo confessor. Nasceu no ano de 1040 e faleceu em 27/9/1115. Participou das Cruzadas à Terra Santa em 1096 e 1104.
São Bernardo do Campo, Rua (Valqueire)Homenagem à cidade de São Bernardo do Campo, em São Paulo.
São Boneto, Rua (Freguesia)São Boneto foi bispo de Clermont, na França, cargo que exerceu com profundo amor à população. Faleceu na cidade de Lyon, também na França, no ano de 706.
São Caetano do Sul, Rua (Valqueire)Homenagem à cidade de São Caetano do Sul, em São Paulo.
São Calisto, Rua (Tanque)São Calisto foi papa no período de 217 a 222, época em que o Império Romano perseguia os cristãos. Ele morreu atirado a um poço, que foi enchido de pedras. No local, foi construída a Igreja de Santa Maria, em Trastéveres.
São Casemiro, Praça (Taquara)São Casemiro nasceu na Cracóvia (Polônia) em 1458 e faleceu em Grodno (Bielo-Rússia) em 1484. Era filho do rei da Polônia Casemiro IV. É o patrono do seu país, sendo festejado no dia 4 de março.
São Charbel, Rua (Taquara)Makholouf Charbel (1828-1898). Nasceu em Beng'Kafra, no Líbano. São Charbel foi monge maronita. São atribuídos a ele milhares de milagres. Foi canonizado em 1977 pelo Papa Paulo VI.
São Deodato, Rua (Pechincha)São Deodato foi papa de 615 a 618. Nasceu em Nápoles e faleceu em 8/11/618. Conta a tradição que, após o terremoto que aconteceu em Roma em agosto de 616, houve violenta epidemia. São Deodato curou muita gente beijando com caridade as chagas dos enfermos.
São Dulcídio, Rua (Freguesia)São Dulcídio viveu no século V da Era Cristã. Foi sepultado na cidade de Chambery, França. É festejado no dia 17 de novembro.
São Fidélis, Rua (Tanque)Homenagem à cidade de São Fidélis, no Rio de Janeiro.
São Gerasmo, Rua (Taquara)São Gerasmo nasceu em Raggio Calabria, na Itália, onde pregou o Cristianismo. Faleceu no século XII. É festejado no dia 14 de maio.
São Gonçalo, Estrada (Taquara)Homenagem a São Gonçalo de Amarante, santo português nascido na aldeia de Aniconha, em Guimarães, no ano de 1200. São Gonçalo faleceu em 1259. É festejado no dia 19 de janeiro. No Camorim, há uma capela com seu nome, que foi erguida em 1625.
São Graciano, Rua (Freguesia)São Graciano é venerado em Amiens, França. Viveu provavelmente no século IX. Foi martirizado por pregar o Cristianismo. É festejado em 23 de outubro.
São Guerino, Rua (Taquara)São Guerino ou Querino nasceu na Normandia, França. Ele pregou o Cristianismo na época das perseguições. Por isso, foi decapitado.
São Guilherme de Norwich, Av. (Anil)São Guilherme é da cidade inglesa de Norwich. Foi assassinado por fanáticos judeus, na Idade Média, quando tinha apenas 12 anos de idade. Ele foi atraído pelos seus algozes. Depois, amarrado, crucificado e queimado.
São Jorge, Rua (Freguesia) Quando o Império Romano iniciou as perseguições aos cristãos no século IV, São Jorge renunciou à carreira militar e censurou nas ruas a crueldade contra os cristãos. Por isso, o Imperador Diocleciano o condenou a morte pela espada.Ele morreu em 23/4/304.
São José de Ubá, Rua (Taquara)homenagem à cidade de São José de Ubá, em Cambuci, Rio de Janeiro.
São Lázaro, Rua (Praça Seca)São Lázaro era discípulo e amigo de Jesus Cristo. Suas irmãs eram Marta e Maria, cujos nomes estão na Bíblia no episódio em que Jesus Cristo ressuscitou Lázaro. O santo é festejado em 17 de dezembro.
São Longino, Rua (Curicica)São Longino (ou Longuinho) foi centurião romano e participou da guarda no sepulcro de Jesus Cristo. Ao assistir a ressurreição de Jesus se converteu ao Cristianismo, pregou a religião e foi preso pelo Imperador Otávio. Faleceu em 15 de março do ano de 61.
São Marcelo, Rua (Curicica)São Marcelo foi papa no período de 307 a 309. Na época o imperador romano Diocleciano fazia perseguição aos cristãos, mas não conseguiu deter a pregação do papa. Mais tarde, o Imperador Maxêncio prendeu o santo, que morreu por maus tratos em 16/1/309.
São Marciano, Rua (Praça Seca)São Marciano nasceu em Constantinopla. Sua família era romana e ligada à casa imperial de Teodósio. Em segredo, abraçou a religião cristã ainda criança. Foi padre, dedicou-se ao amor pelos pobres e contruiu muitas igrejas em constantinopla.Faleceu em 471.
São Mariano Scott, Rua (Praça Seca)São Mariano Scott nasceu na Irlanda em 1028 e faleceu em 16/2/1082. Ele construiu o mosteiro irlandês de São Pedro, obra terminada em 1076.
São Narciso, Trav. (Praça Seca)São Narciso foi bispo de Jerusalém. Viveu 116 anos. Nasceu no ano de 106 e faleceu em 222. É festejado no dia 29 de outubro.
São Pedro da Aldeia, Rua (Freguesia)Homenagem à cidade de São Pedro da Aldeia, no Rio de Janeiro.
São Platão, Rua (Anil)São Platão nasceu em Constantinopla no ano de 735. Foi abade do mosteiro de Constantinopla, onde sofreu perseguição do governo do Império Romano do Oriente. Faleceu em 9 de abril de 813.
São Policarpo, Rua (Curicica)São Policarpo foi bispo de Ermirna (atual Izmin), cidade portuária da Turquia. Como quase todos os bispos do início do Cristianismo foi martirizado e morreu crucificado no dia 23 de fevereiro do ano de 155.
São Ponciano, Rua (Tanque)São Ponciano nasceu em Roma e faleceu na Sardenha, onde estava preso, condenado a trabalho forçados nas minas, apesar da idade avançada. São Ponciano foi papa de 230 a 235. Sofreu tenaz perseguição do Império Romano. É festejado no dia 19 de novembro.
São Ricardo, Rua (Anil)São Ricardo nasceu na Inglaterra em 1197 e faleceu em 3/4/1253. Estudou em Paris. Voltando a Inglaterra foi nomeado professor da Universidade Oxford.Foi bispo de Chischester, quando foi considerado um anjo da paz na briga do Rei Henrique III com a Igreja.
São Turíbio, Rua (Curicica)São Turíbio nasceu em 16/11/1538 na Espanha. Faleceu em 23/3/1606 no Peru. Foi contemporâneo do Rei Felipe II da Espanha. Foi nomeado arcebispo de Lima, capital do Peru, onde realizou trabalho de pregação do Cristianismo com amor e caridade.
São Zacarias, Rua (Curicica)São Zacarias foi papa no período de 741 a 752. Possuía, além de bondade e caridade, vasto domínio das ciências. Organizou os arquivos da igreja. São Zacarias faleceu em 14 de março de 752.
São Zózimo, Rua (Curicica)São Zózimo nasceu na Grécia e foi papa no curto período de 417 a 418. No seu pontificado, enfrentou a heresia. São Zózimo era extremamente bondoso e recomendou aos episcopados tratar os hereges com brandura. O santo é festejado no dia 26 de dezembro.
Sargento Carlos Argemiro Camargo, Av. (Anil)Foi morto em uma emboscada no interior do Paraná no dia 27/3/1965, pelos guerrilheiros comandados pelo ex-coronel do Exército Jefferson Cardim Osório. O Sargento Camargo fazia parte do grupo de militares incumbidos de capturar o ex-coronel Jefferson, que foi preso logo depois da morte de Camargo.
Sargento Luís Pires, Rua (Praça Seca)Sargento Luís Ribeiro Pires. Combatente do Exército Brasileiro. Participou da Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 22/3/1945 na Batalha de Abetaia (Itália).
Sargento Luís da Silva, Rua (Taquara)Sargento Luís Geraldo da Silva. Combatente do Exército Brasileiro. Participou da Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Nasceu em 5/12/1920. Faleceu em ação no dia 28/3/1945 em Lazzari (Itália).
Sargento Paulo Moreira, Rua (Freguesia)Combatente do Exército Brasileiro. Participou da Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 4/1/1945 na Batalha de Porreta (Itália).
Sargento Sebastião Chaves, Rua (Praça Seca)Sebastião da Costa Chaves nasceu em Belém (PA) em 24/5/1906 e faleceu em 6/12/1944, em um hospital na Itália, em virtude de graves ferimentos em combate em Valdibura (Itália) na Segunda Guerra Mundial. Seus filhos foram criados, após sua morte, na Rua Comendador Pinto.
Saturnino Cardoso, Trav. (Freguesia) Dr. Saturnino Nicolau Cardoso. Médico homeopata brasileiro de fama internacional. Publicou em 1905 volumosa obra com o título geral "Saneamento da cidade do Rio de Janeiro". Em 1912, foi um dos fundadores da Faculdade de Homeopatia do Rio de Janeiro.
Sebastião Ferreira Pinto, Rua (Tanque) Sebastião de Castro Ferreira Pinto. Médico sanitarista brasileiro. Nasceu em Santa Isabel do Rio (Valência, RJ) em 1895. Faleceu no Rio de Janeiro (RJ) em 26/9/1976. Morava em Ipanema.
Sebastião José Leporace, Rua (Taquara)Radialista, jornalista e compositor musical. Nasceu em 2/12/1918. Faleceu em 26/12/1977. Trabalhou na rádio em programas musicais e políticos. Iniciou carreira na Rádio Nacional (RJ). Trabalhou na Radio Mayrinck Veiga (RJ) de 1942 a 1950. Depois, foi para a Rádio Record de São Paulo. No final da década de 1950, voltou para a Rádio Mayrinck Veiga. Sebastião Leporace também trabalhou em diversas rádios do interior do Brasil. Era irmão do igualmente radialista Vicente Leporace.
Seca, Praça (Praça Seca)Oficialmente somente o lado oposto do coreto tem o nome de Praça Seca. Do outro lado, o nome é Praça Barão da Taquara. Praça Seca deriva-se de Largo do Asseca, logradouro da época colonial em homenagem ao Visconde de Asseca, dono de toda a região.
Selêucia, Trav. (Cidade de Deus)Localidade bíblica. Selêucia era um porto em Antioquia. Foi onde São Paulo e Barnabé embarcaram para Chipre na primeira viagem missionária.
Sentinela, Praça (Taquara)Loteamento da Taquara com nomes de jornais. A rua é homenagem a três jornais do Império: A Sentinela da Liberdade (1823) de Estêvão Grondona. A Sentinela da Monarquia (1840-41) de Bernardo Vasconcelos. A Sentinela do Trono (1849) de Luís Antônio Navarro.
Seresteiro, Rua (Freguesia)Rua em loteamento junto da Estrada do Pau-Ferro que homenageia cantores e também artistas.
Sérgio Bitencourt, Praça (Freguesia)Sérgio Freitas Bittencourt. Compositor, jornalista e crítico musical. Nasceu em 3/2/1941. Faleceu em 9/7/1979. Foi professor de História. Era filho do músico famoso Jacob do Bandolim.
Sericita, Rua (Freguesia)Sericita é mineral cristalizado e de brilho sedoso, proveniente de algumas rochas metamórficas.
Sernambi, Rua (Pechincha)Palavra da língua tupi-guarani que significa os ornamentos que os índios usavam nas orelhas.
Serra Negra, Rua (Tanque)Homenagem à cidade de Serra Negra, em São Paulo.
Serrano, Rua (Freguesia)Homenagem à localidade de Serrano, em Cururupu, no Maranhão.
Sertanista Gilberto Costa, Rua (Taquara) Gilberto Pinto Figueiredo da Costa. Sertanista. Faleceu em 1975 vítima do massacre dos índios waimiri-atroaris, quando realizava missão pacificadora com esses índios durante a contrução da Rodovia Manaus (AM)-Boa Vista (RR). A rodovia foi inaugurada em 1977. Nesse massacre, morreu João Aguiar, também nome de rua em Jacarepaguá.
Sertanista João Aguiar, Rua (Freguesia)João Bosco Aguiar. Sertanista. Faleceu em 1975 vítima do massacre dos índios waimiri-atroaris, quando realizava missão pacificadora com esses índios durante a contrução da Rodovia Manaus (AM)-Boa Vista (RR). A rodovia foi inaugurada em 1977. Nesse massacre, morreu Gilberto Costa, também nome de rua em Jacarepaguá.
Sertão, Estrada (Anil)Homenagem à cidade de Sertão, no Rio Grande do Sul.
Sete Lagoas, Rua (Taquara)Homenagem à cidade de Sete Lagoas, em Minas Gerais.
Sibaúna, Rua (Valqueire)Palavra da língua tupi-guarani que significa testa negra.
Silas, Trav. (Cidade de Deus)Personagem bíblico. Um dos 72 discípulos de Jesus Cristo. Uniu-se a São Paulo na pregação do Cristianismo. Os dois fizeram juntos muitas viagens.
Silva Lima, Rua (Tanque)Luís Siqueira da Silva Lima (1844-1916). Barão de Itapemirim. Político brasileiro da Monarquia e República. Foi senador de 1900 a 1908.
Silvestre Travassos, Rua (Freguesia) Sylvestre Travassos Soares. Coronel da Polícia Militar. Nasceu em 14/3/1905. Faleceu em 2/4/1978. Foi presidente da Associação de Oficiais Militares Estaduais do Rio de Janeiro de 18/9/1952 a 18/9/1956. Foi um dos fundadores da Academia Luso-Brasileira de Letras em 1964.
Sílvio D’Ávila, Rua (Freguesia)Sylvio Carvalho D'Avilla. Médico. Nasceu no Rio de Janeiro em 1906. Faleceu em 21/1/1982. Foi um dos fundadores da Sociedade Brasileira de Protologia e da Sociedade Latino-Americana de Protologia. Foi chefe do Serviço de Protologia da Santa Casa da Misericórdia do Rio de Janeiro.
Simeão, Rua (Cidade de Deus)Personagem bíblico. Filho de Jacó e Lia. Uniu-se com o irmão Levi para vingar a ofensa que Siquém tinha feito a sua irmã Dina.
Simplício Sá, Rua (Freguesia)Simplício Rodrigues de Sá, falecido em 1839. Pintor português que trabalhou no Brasil.
Sinval Sampaio, Rua (Rio-Centro) Synval Correia Sampaio. Político brasileiro. Nasceu na Bahia em 27/12/1915. Faleceu no Rio de Janeiro (RJ) em 14/4/1982. Foi deputado estadual do Estado da Guanabara de 1963 a 1967 pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). Dedicou-se à causa trabalhista. Foi procurador do Ministério do Trabalho.
Sitim, Trav. (Cidade de Deus)Localidade bíblica. Local de acampamento israelita que o usavam antes da travessia do Rio Jordão.
Soca, Estrada (Taquara)Palavra do tupi-guarani que significa touceira de capim ou caule subterrâneo. Também significa a segunda produção de cana, após cortada a primeira. A estrada recebeu o nome devido a existência de enormes touceiras de capim.O nome foi oficializado em 1934.
Soldado Álvaro de Souza Pereira, Rua (Anil)Morto na madrugada dia 27/11/1935, no 3º Regimento de Infantaria (Praia Vermelha) pelos comunistas, que destruiram completamente o quartel, na chamada Intentona Comunista no Governo do Presidente Getúlio Vargas.
Soldado Arnoldo Raulino, Rua (Taquara) Arnoldo Cândido Raulino. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 8/1/1945 na Torre de Nerone (Itália).
Soldado Bruno Estrífica, Rua (Curicica)Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 14/4/1945 na Batalha de Montese (Itália).
Soldado Damásio Gomes, Rua (Curicica)Damásio Rodrigues Gomes. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 29/12/1944 na Batalha de Porreta.
Soldado Diogo Martins, Rua (Taquara)Diogo Garcia Martins. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 12/12/1944 na Batalha de Monte Castelo.
Soldado Dirceu de Almeida, Rua (Pechincha)Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 22/12/1944 na Batalha de Porreta.
Soldado Eugênio da Silva, Rua (Taquara)Eugênio Alves da Silva. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 2/12/1944 na Batalha de Porreta.
Soldado Francisco de Souza, Rua (Pechincha)Francisco Gomes de Souza. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 22/12/1944 na Batalha de Monte Sobrassal.
Soldado Genaro Pedro Lima, Rua (Anil)Morto na madrugada dia 27/11/1935, no 3º Regimento de Infantaria (Praia Vermelha) pelos comunistas, que destruiram completamente o quartel, na chamada Intentona Comunista no Governo do Presidente Getúlio Vargas.
Soldado Genésio Correia, Rua (Taquara)Genésio Valentim Correia. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Nasceu em 20/9/1919. Faleceu em 12/12/1944 na Batalha de Monte Castelo.
Soldado Geraldo de Souza, Rua (Freguesia)Geraldo Rodrigues de Souza. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Nasceu em 12/5/1919. Faleceu em ação em Natalina (Itália) em 14/4/1945.
Soldado Hilário Zanesco, Rua (Taquara)Hilário Décimo Zanesco. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Nasceu em 1920. Faleceu em ação em Collechi (Itália) em 29/4/1945.
Soldado Humberto Nogueira, Rua (Taquara)Humberto Alves Nogueira. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu na Batalha de Monte Castelo (Itália) em 12/12/1944.
Soldado João da Silva, Rua (Taquara)João Américo da Silva. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 29/11/1944 na Batalha de Monte Castelo.
Soldado João Alves, Rua (Freguesia)João Alberto Alves. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em ação em Malondrona (Itália) em 5/4/1945.
Soldado João de Deus Araújo, Rua (Anil)Morto na madrugada dia 27/11/1935, no 3º Regimento de Infantaria (Praia Vermelha) pelos comunistas, que destruiram completamente o quartel, na chamada Intentona Comunista no Governo do Presidente Getúlio Vargas.
Soldado João do Nascimento, Rua (Pechincha)João Inácio do Nascimento. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em ação em Bombiana (Itália) em 26/11/1944.
Soldado Joaquim de Lira, Rua (Pechincha)Joaquim Xavier de Lira. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em Livorno (Itália) em 15/2/1945.
Soldado José de Abreu, Rua (Taquara)José Alves de Abreu. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em ação em Precaria (Itália) em 4/3/1945.
Soldado José de Almeida, Rua (Taquara)José da Silva Almeida Filho. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu na Batalha de Monte Castelo (Itália) em 29/11/1944.
Soldado José Costa, Rua (Curicica)José da Costa Valério. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Desapareceu nos campos da Itália em 29/11/1944.
Soldado José Menezes Filho, Rua (Anil)Morto na madrugada dia 27/11/1935, no 3º Regimento de Infantaria (Praia Vermelha) pelos comunistas, que destruiram completamente o quartel, na chamada Intentona Comunista no Governo do Presidente Getúlio Vargas.
Soldado José de Oliveira, Rua (Pechincha)José de Souza Oliveira. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em ação em 4/11/1944 em Valdebuia (Itália).
Soldado José de Paula, Rua (Taquara)José Vicente de Paula. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em ação em 10/11/1944 em Marano (Itália).
Soldado José Solano, Rua (Taquara)José Vivanco Solano. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 16/3/1944 em Gaggio Montano (Itália) em acidente com arma de fogo.
Soldado Lino Vítor dos Santos, Rua (Anil)Morto na madrugada dia 27/11/1935, no 3º Regimento de Infantaria (Praia Vermelha) pelos comunistas, que destruiram completamente o quartel, na chamada Intentona Comunista no Governo do Presidente Getúlio Vargas.
Soldado Luís Gonzaga, Rua (Anil)Luiz Gonzaga de Souza. Morto na madrugada dia 27/11/1935, no 3º Regimento de Infantaria (Praia Vermelha) pelos comunistas, que destruiram completamente o quartel, na chamada Intentona Comunista no Governo do Presidente Getúlio Vargas.
Soldado Orlando Henrique, Rua (Anil)Morto na madrugada dia 27/11/1935, no 3º Regimento de Infantaria (Praia Vermelha) pelos comunistas, que destruiram completamente o quartel, na chamada Intentona Comunista no Governo do Presidente Getúlio Vargas.
Soldado Pedro Moreira, Rua (Pechincha) Pedro Graciano Moreira. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 12/12/1944 em Bombiana (Itália).
Soldado Péricles Leal Bezerra, Rua (Anil)Morto na madrugada dia 27/11/1935, no 3º Regimento de Infantaria (Praia Vermelha) pelos comunistas, que destruiram completamente o quartel, na chamada Intentona Comunista no Governo do Presidente Getúlio Vargas.
Soldado Rodrigo da Silva, Rua (Curicica)Rodrigo Leme da Silva. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em ação em 24/11/1944 em Palazzo (Itália). A Prefeitura deu o nome do soldado à rua atendendo um abaixo-assinado dos moradores do Parque Curicica.
Soldado Sebastião Machado, Rua (Anil)Sebastião Clementino Machado. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em ação em 12/12/1944 em Abetaia (Itália).
Soldado Simplício de Lara, Rua (Taquara)Simplício Vieira de Lara. Combatente do Exército. Integrou a Força Expedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. Faleceu em 26/4/1945 em hospital da Itália, vítima de ferimentos sofridos em combate.
Soldado Wilson França, Rua (Anil)Morto na madrugada dia 27/11/1935, no 3º Regimento de Infantaria (Praia Vermelha) pelos comunistas, que destruiram completamente o quartel, na chamada Intentona Comunista no Governo do Presidente Getúlio Vargas.
Sonho, Rua (Freguesia)Homenagem à palavra sonho, com o significado de desejo e aspiração.
Suspiros, Rua (Freguesia)Homenagem à palavra suspiro, com significado de desejo ardente e ânsia.
Suzano, Rua (Freguesia)Homenagem à cidade de Suzano, em São Paulo.